Novas estantes para os “bebês” impacientes

É triste ver uma estante de livros assim, não é mesmo? Principalmente se ela já teve vários “bebês” ao longo dos anos. Pois é galera, a foto no início dessa postagem é da minha inseparável estante. Mas antes que vocês pensem que aconteceu alguma tragédia com os tão amados “bebês”, já adianto que o seu esvaziamento ocorreu por uma causa muito feliz.
Após tantos anos, e bota anos nisso, chegou o momento de ampliá-la. Após ter sido presenteado, recentemente, com vários livros, a maioria deles da escritora Agatha Christie, uma única estante tornou-se pequena demais para abriga-los, por isso, tive que colocar a mão no bolso e providenciar a montagem de um novo compartimento para acomodar tantas preciosidade.
Ainda não sei o total de livros que tenho. Não, não é preguiça minha, trata-se de falta de tempo mesmo. A minha profissão hiper-corrida somada a manutenção do blog, Instagram, Fanpage e Twitter do Livros e Opinião demanda muitas horas e dias de serviço. No meio de toda essa correria, é evidente que eu e Lulu temos que reservar uma fatia do nosso tempo para as nossas horas de lazer. Então, procuro catalogar os livros aos domingos a noite; já cataloguei 354 e ainda restam muitos, muitos mesmo.
Como já disse, por esse motivo, ou seja, pelo aumento dos “bebês”, uma nova estante acabou virando uma necessidade e não um luxo.
Pedi para que um marceneiro, meu amigo,  fizesse um prolongamento da estante velha seguindo até o piso, preenchendo assim, toda a parede lateral. Neste momento, ele me surpreendeu com uma notícia mais do que bem-vinda.
- Jam se você fizer esse prolongamento  e mais uma nova estante para colocar na parede central eu lhe dou um desconto na mão de obra – disse o marceneiro.
Não pensei duas vezes, como o desconto, digamos era bem apetitoso, autorizei a montagem de uma nova estante para a parede do meio da minha sala de leitura. Esta “caixa” central ocupará apenas uma parte da parede, não chegando até o piso. Quando sobrar alguma grana, certamente estarei pedindo para fazer o seu prolongamento, à exemplo do que estou fazendo com a estante do lado direito de minha sala.
Elas serão confeccionadas em Mdf branco. O prolongamento terá aproximadamente 2,70 metros de largura e 1,30 de altura divididos em seis prateleiras – reforçadas com apoiadores – cada uma dessas prateleiras medindo 1,38 metros de largura por 33 centímetros de altura.
Já a estante central terá oito prateleiras com as mesmas medidas da estante lateral distribuídas num espaço total  de 2,80 por metros de largura por 1,40 de altura.
Estou torcendo para que fiquem prontas o mais rápido possível, pois os meus “bebês” já estão impacientes. Eles não gostam de ficar amontoados em cômodas, mesas e camas. Os danadinhos são bem enjoados

Nenhum comentário