Trocas Macabras de Stephen King já está em pré-venda. Livro chega ainda neste mês.

Nenhum comentário

A espera acabou. Depois de exatos dois anos e seis meses os fãs de Stephen King, assim como eu, poderão realizar o sonho de ter em suas estantes o tão aguardado Trocas Macabras. Por que após dois anos e seis meses? Simples. A Suma vinha anunciando o relançamento dessa obra rara do mestre do terror desde 15 de maio de 2018, mas o tempo foi passando, passando e nada do prometido livro chegar, até que acabou caindo no esquecimento. Muitos leitores já estavam rotulando o anúncio da editora como uma falsa promessa. Mas eis que a tal falsa promessa acabou se transformando na mais doce realidade para todos nós fãs King. Desta vez, Trocas Macabras vem e vem de verdade. O selo Suma pertencente a editora Companhia das Letras confirmou o relançamento do livro, que já está em pré-venda nas livrarias virtuais, para o dia 20 de novembro. Ele fará parte da coleção “Biblioteca Stephen King” que já conta com os títulos: Cujo, A Hora do Lobisomem, O Iluminado, A Incendiária e A Metade Sombria

Seguindo o mesmo projeto gráfico dos outros cinco exemplares que compõem da icônica coleção lançada pela Suma em 2016, Trocas Macabras chegará às mãos dos leitores em capa dura, 656 páginas em papel de altíssima qualidade e um layout de mucho loko – no bom sentido. Todo em  verde com imagens em detalhes pretos e as letras na tonalidade branca. Cá entre nós, adorei.

É importante frisar que Trocas Macabras estava esgotado em todas as livrarias desde a década de 1990. Aqueles que quisessem ler ou reler a história de qualquer maneira eram obrigados a encarar preços os preços astronômicos dos sebos que iam de R$ 300,00 à 450,00! Pois é, mas agora, a sofrência acabou.

O livro foi escrito originalmente em 1991e conta a história de um misterioso personagem chamado Leland Gaunt que decide abrir uma pequena loja na cidade de Castle Rock onde, em troca do objeto de desejo dos moradores, eles devem prestar um pequeno favor ao vendedor. Em pouco tempo fica evidente que nessas trocas macabras os preços pagos pelos moradores de Castle Rock serão altos demais.

Confira a resenha oficial fornecida pela Suma: “Compre agora. Pague depois. Há uma nova loja na cidade. ARTIGOS INDISPENSÁVEIS, diz a placa. Um nome curioso, que se torna tema de rumores e especulações entre os moradores de Castle Rock. Para cada cliente que entra na loja, Leland Gaunt tem algo perfeito — um objeto há muito sonhado, desesperadamente desejado. O preço parece sempre razoável, mas vem acompanhado de pedidos estranhos. O que começa como brincadeiras e pegadinhas inocentes aos poucos sai do controle, transformando a cidade em palco de disputas caóticas e brutais. Mas, quando você encontra um artigo indispensável, como saber se o custo para obtê-lo é alto demais?”.

Taí galera, aproveitem!


Nenhum comentário