“A Assombração da Casa da Colina”: compro ou não compro?

Foto publicada no twitter da Suma de Letras

Comprar ou não comprar, eis a questão. Este é o meu dilema com relação ao livro “A Assombração da Casa da Colina’ de Shirley Jackson. Cara, to perdidinho. Nunca vi uma obra literária provocar tantas divergências de opiniões. Alguns amaram, outros odiaram.
Logo que a editora Suma de Letras anunciou o seu relançamento, comecei a acompanhar as resenhas do Skoob e também de alguns blogs. Juro que fiquei pasmo com a falta de consenso nas opiniões. É evidente que deve haver uma diversidade de pontos de vista, isso contribui para a formação de opinião do chamado ‘leitor virgem’, ou seja, aquele que ainda não teve contato com o livro. São esses comentários favoráveis e desfavoráveis que farão com que o leitor decida se compra ou não a obra de determinado escritor. Só que no momento em que as opiniões positivas são extremas e as negativas também, a obra literária passa a ser enquadrada no gênero: “me ame ou me deixe”. E é nesta categoria que “A Assombração na Casa da Colina”  se encaixa.
Alguns acham a história desesperadamente morna, chegando a dar sono, enquanto outros a colocam no pedestal das obras primas do terror. Entre aqueles que consideram o livro de Jackson fenomenal, está o mestre Stephen King. E confesso que foi a opinião de King que fez com que eu decidisse comprar o relançamento da Suma de Letras. Quer dizer... até  ter encontrado, casualmente, um amigo que detonou o livro. – Tão ruim que eu cheguei a doar o ‘distinto’ para uma biblioteca! – disse ele. Quero lembrar que  meu amigo tinha a publicação raríssima da coleção “Mestres do Horror e da Fantasia”  da editora Francisco Alves. Mesmo assim, carimbou a venda.
- Caraca! O livro é tão ruim que ele se defez dele!!! – exclamei. Depois desse encontro fatídico com o sujeito voltei a ficar na dúvida, mesmo porque já tinha lido um comentário, quase que parecido, de um blogueiro que crucificou a história.
Então, hoje pela manhã, zapeando o meu Twitter dei de cara com a foto publicada pela Suma de Letras em sua página. – O quêeee!!! A Suma vai relançar a história da tal assombração polêmica em capa dura! – a minha surpresa foi grande quando vi o tuite.
Cara, admito que esta famosa foto pesou muito em minha decisão. Acho que vou acabando comprando... e rápido, antes que mude de idéia, novamente.
O produto que será lançado em 1º de maio está em pré venda nas principais livrarias virtuais.
Fui!



Nenhum comentário