Damien – Profecia II

Vocês se lembram o que eu escrevi logo no início da resenha de “A Profecia” de David Seltzer? Vamos recapitular. Eu disse: “existem novelizações e cópias de roteiros; as primeiras, com muuuiito sacrifício e uma tremenda força de vontade ainda conseguimos lê-las, mas quanto as segundas...” Literalmente foi isso que escrevi. Se o livro de Seltzer pode ser considerado uma novelização, o mesmo não podemos dizer das duas obras posteriores – “Damien: Profecia II” e “A Profecia: Conflito Final” – que são meros copiões de roteiros, excetuando o final do ultimo livro, o qual abordarei num post oportuno; agora vamos falar de “Damien: Profecia II”.
Se você não assistiu ao filme ou se o assistiu há muitas décadas, pode até gostar do livro, pois não posso negar que o autor Joseph Howard – que na minha opinião não é escritor, mas qualquer um dos roteiristas da produção cinematográfica que inventou um pseudônimo – sabe escrever. Os diálogos são bem estruturados, a linha narrativa segue uma coerência, os momentos de suspense prendem a atenção, mas num belo dia, você resolve assistir ao filme e então acaba levando um baita susto. “Pera aí! Isto que eu estou assistindo é a mesma coisa que eu li!!” O susto tem todo o sentido porque Howard simplesmente fez um resumo do roteiro do filme e ‘colou’ nas páginas de um livro. Pronto, tá escrito  “Damien: A Profecia II”. Ahahaha! Nunca foi tão fácil escrever um livro como esse!
Para você ter uma idéia do que estou expondo, basta assistir ao filme e depois, na sequencia, ler o livro; até mesmo alguns diálogos dos personagens da obra literária são idênticos aos seus homônimos das telas. Nem mesmo a cor das  roupas diferenciam. Bem, para fazer justiça, vale lembrar que o autor fez uma pequena modificação: a personagem Joan Hart no livro é uma repórter fotográfica, enquanto a sua sósia no cinema é uma arqueóloga, mas só. O destino das duas é semelhante. Ah! Suas atitudes e diálogos também.
Como já tinha assistido “A Profecia II” , recentemente em DVD, disse: “Caraca! Que decepção!” Se não tivesse visto, poderia até ter gostado do livro, pelo menos um pouco.
Por isso, o conselho que dou para você que decidiu ler o livro é o de que não assista ao filme em hipótese nenhuma, pois a decepção será grande. Leiam o livro primeiro.
“Damien, A Profecia II” conta a história de  Damien Thorn sete anos depois dos eventos de “A Profecia”. Agora ele tem 13 anos e mora com seu tio Richard Thorn, sua tia Ann e seu primo Mark. A medida que Damien descobre seus poderes e como usá-los, poderosos protetores, os discípulos do mal, cuidam do garoto. Seu tio começa a gradualmente desconfiar de Damien, mas sua tia recusa-se terminantemente a acreditar nos alertas e protege Damien como se ele fosse seu próprio filho. Mas há outros que conhecem a verdadeira natureza de Damien o que acaba provocando um combate entre as forças do bem e do mal.
Belê?
Então tai, a decisão é sua: leiam o livro ou assistam ao filme. Não perca tempo fazendo as duas coisas.

Inté!

Nenhum comentário