sábado, 16 de setembro de 2017

Nova obra de John Green, “As tartarugas lá embaixo”, chega em outubro nas livrarias

Capa do livro que será lançado pela Intrínseca
Alguns gostam, outros não. Alguns se emocionam, outros nem tanto. Estou me referindo as histórias escritas por John Green. Aquele cara que ficou famoso graças ao romance “A Culpa é das Estrelas” (2012). Aliás, ele deve tudo e um pouco mais à esse bestseller, já que os seus livros anteriores – “Quem é você, Alasca?” (2005), “Deixe a neve cair (2008) e “Cidades de Papel” (2008) – só ficaram conhecidos graças a obra escrita em 2012.
Pois é galera, esse mesmo John Green estará lançando - simultaneamente em vários países, incluindo o Brasil - um novo livro. Se você é fã de carteirinha do cara e leu todas as suas obras, além de ter derramado copiosas lágrimas no filme “A Culpa é das Estrelas”, com certeza deve estar vibrando no momento em que lê esse post.
O novo livro do autor se chama “As tartarugas lá embaixo” e será lançado pela editora Intrínseca em 10 de outubro.
A história acompanha a jornada de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto tenta lidar com o próprio transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).
A curiosidade é que o livro tem várias referencias sobre a vida do autor, entre elas a sua tão marcada paixão pela cultura pop e o TOC, transtorno mental que o afeta desde a infância. Isto significa que Green decidiu emprestar à personagem principal de “As tartarugas lá embaixo” algumas de suas características pessoais.
John Green
O autor, inclusive, publicou no YouTube um vídeo onde fala sobre o novo livro. Green revela que a história é inspirada em situações que ele teve de enfrentar. "É difícil falarmos sobre as coisas que acontecem lá no fundo da gente, provavelmente porque não dá pra ouvir as dores da mente e é difícil falar sobre isso sem fazer analogias e metáforas", afirma.
A última publicação de John Green foi o best-seller “A culpa é das estrelas”, há cinco anos. Depois do sucesso e da repercussão do livro, o autor publicou um vídeo no YouTube contando sobre a pressão que sentiu para publicar uma sequência para a história. O título do vídeo é "Falhando em dar continuidade para A culpa é das estrelas". "Eu senti uma pressão intensa das pessoas como se elas estivessem me observando enquanto eu escrevia", desabafou. "Eu estava apavorado porque achava que jamais conseguiria acompanhar o crescimento."
"Deixei de ser a pessoa que escreve livros, título de trabalho no presente, para ser a pessoa que escreveu aquele único livro, título de trabalho no passado", contou Green sobre os reflexos de “A culpa é das estrelas” na carreira, que afirma ter escrito em um dia que foi tomar café no Starbucks, mas que é grato pelo sucesso.
Taí galera! Se você está muito impaciente, fica o consolo de que 10 de outubro não está tão longe.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...