sábado, 5 de novembro de 2016

César Bravo lança “Ultra Carnem” pela DarkSide


Nesta manhã de sábado – período em que escrevo esse post – estou um pouco tenso. Pois é, tenso fisicamente e psicologicamente. Fisicamente porque após ingerir, na noite passada, um coquetel de laxantes e, na manhã de hoje, um vidro inteiro de Farlac, confesso que estou pensando seriamente em me mudar para a casinha do trono e fazer dela o meu reino: um reino diarréico. Também estou tenso psicologicamente porque logo mais às 11 horas irei se submeter a uma colonoscopia e de quebra a uma endoscopia. Tudo junto e misturado.
Por isso, para relaxar um pouco, resolvi escrever um post “rapi-10” antes que eu tenha que voltar correndo para o meu reino e sentar no meu trono. Por isso serei breve.
O motivo desse post é expressar a minha alegria e satisfação em ver mais um autor brasileiro conquistar o seu espaço no concorrido mercado literário das grandes editoras. Estou me referindo a César Bravo, que considero um dos grandes nomes do terror. Ele foi contratado, há poucos meses, pela editora DarkSide, especialista no gênero.
Bravo ficou conhecido no meio literário pelas suas publicações de e-books independentes através da Amazon. Vários de seus títulos alcançaram centenas de vendas, conquistando um publico seleto que curte o gênero terror gore.
Cara, na minha opinião, os responsáveis pela DarkSide ganharam um tesouro que outros editores não viram. Com certeza, Bravo vai dar muitas alegrias para a conhecida editora carioca.
O seu livro de lançamento na DarkSide, já em pré-venda, se chama “Ultra Carnem” e expande em muito a mitologia criada por Cesar Bravo, dando detalhes assustadores sobre a infância e a obra maldita de Wladimir Lester, o estranho menino pintor. Além disso, o autor mostra até onde vai a fome de um homem desesperado pela fama ou por uma vida mais digna por direito. A caminhada segue sem pudores expondo a fragilidade de cada um de nós. Por fim, o leitor fica com a sensação de que nós, humanos, não devemos bancar o esperto. E que não existe a possibilidade de enganarmos o céu e o inferno.
A incursão de Bravo na literatura de horror aconteceu bem cedo, influenciada por sua personalidade e gosto pessoal. Mergulhado nos livros, nos filmes ou na arte em geral, não importava: essa atmosfera macabra esteve sempre presente. Em meados de 2011, abraçou o medo como matéria prima e decidiu dar início a uma carreira na literatura. Após autopublicar antologias e romances na Amazon, ele foi ganhando cada vez mais visibilidade e se tornou querido e admirado entre os fãs de terror nacional. Em 2013, foi premiado no concurso de Novos Talentos da Literatura realizado pela FNAC.
Cesar é um admirador e seguidor dos grande mestres, devoto de Edgar Allan Poe e H.P. Lovecraft. Com uma voz única e muito brasileira, o terror nacional volta a respirar na pele da nova geração de autores e leitores sedentos por histórias que dêem voz a nossa identidade, mas que nos levem muito além da carne.
Escrevi várias resenhas sobre e-books do autor. Gostei de todos aqueles que li e olha que detesto histórias no formato e-book. Prova de que os enredos que saem da cabeça de Bravo são, de fato, viciantes.
Quem quiser conhecer um pouco mais sobre esse autor, basta acessar aqui, aqui, aqui e novamente aqui.
Bem, está chegando o horário dos exames...
Inté galera e desejem-me boa sorte.


Um comentário:

  1. Grande, Jam!!
    Rapaz, foi uma longa batalha até aqui. Poxa, muito obrigado pelas palavras e por acreditar em meu trabalho de forma tão intensa e especial.
    Desejo que sua saúde esteja 200% e que seus exames o tirem de vez desse trono injusto. Abração, man!Fiquei muito feliz em voltar a figurar no Livros e Opinião.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...