terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

“Guia dos Curiosos” de Marcelo Duarte completa 20 anos e ganha edição comemorativa

Como dizia um antigo professor, um dos melhores que já tive: “Para tudo o que fazemos na vida precisamos ter uma referência. Que frase sábia! Quantos narradores esportivos começaram a sua carreira se espelhando em Osmar Santos ou José Silvério? Quantos novos talentos da literatura tiveram em Stephen King a sua inspiração para escrever os seus primeiros livros? E por aí vai.
Hoje, podemos dizer que o Brasil tem uma referência no gênero curiosidades. Esta referência se chama Marcelo Duarte, o cara que escreveu uma verdadeira obra prima sobre o tema: o “Guia dos Curiosos”.
Mêo, o livro é uma lenda! A maioria – para não dizer todos - dos blogs, jornais, revistas, sites, rádios e TV estão sempre recorrendo aos assuntos garimpados pelo jornalista da Rádio Bandeirantes. Quando alguém ‘corre atrás’ de algo sui generis que não encontra em lugar nenhum, sempre existe uma pessoa que grita: “Procura no Guia dos Curiosos que você acha!”
Para que os nossos leitores entendam a dimensão da importância do Guia dos Curiosos no universo literário, basta dizer que ao todo, são 600 mil exemplares distribuídos em nove volumes. Só o primeiro, vendeu 265 mil. Um verdadeiro marco para obras do gênero.
E pensar que tudo começou com uma fila de banco. Verdade! A semente da qual nasceria o mais famoso guia sobre curiosidades do Brasil, das Américas e quem sabe do mundo surgiu graças a uma das filas mais odiosas do planeta.
Na época, Duarte era editor da revista Veja São Paulo. Ao produzir uma reportagem sobre atendimento bancário, comparou sua espera na fila - 2h10min - ao tempo que uma lesma levaria para completar o trajeto até o caixa - 1h40 min.  A partir daí, devido ao sucesso da matéria, o jornalista começou a usar curiosidades nos seus artigos e o mais importante: passou a guardá-las.
Não demorou muito para que as informações fossem reunidas no primeiro almanaque. Em uma viagem para o interior de São Paulo, Duarte encontrou na casa da tia a coleção "Enciclopédia Curiosa", de 1962.  Imediatamente ‘bateu’ o insight: "Por que não atualizá-la?!". 
Marcelo Duarte
Devido ao sucesso do “Guia dos Curiosos”, ele acabou se transformando num programa de rádio na Band. Todos os sábados,  desde 2001, Duarte apresenta o "Você é Curioso?"  E tem mais: em 2006, o programa de Duarte ganhou o troféu da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) de melhor programa de educação da rádio brasileira. Caraca! Esse guia é mesmo fodástico!!
A boa notícia para os leitores é que o “Guia dos Curiosos” ganhou, recentemente, uma edição comemorativa em homenagem aos seus 20 anos – lembrando que o livro foi publicado pela primeira em 1995 pela editora Companhia das Letras, mas depois, evidentemente ganhou muitas outras edições. E agora, para comemorar os 20 anos de sucessos, foi relançado pela Panda Books – editora fundada por Duarte.
Na nova versão do guia, o autor inclui dados da cultura pop do últimos 20 anos, como a biografia de Bob Esponja e o numero atualizado de casamentos da cantora Gretchen (17, até o momento).
Quer mais? Ok. Anote aí: Quantas bíblias são vendidas por minuto em todo o mundo? Qual é a velocidade que o espirro sai do nariz? Qual era o tamanho do sapato de Neil Armstrong, o primeiro homem a pisar na Lua? Quais são os nomes dos filhos de todos os presidentes do Brasil? E a média de vítimas que Arnold Schwarzenegger matou em seus filmes? 
São 704 páginas que certamente serão devoradas com toda avidez.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...