terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Após um mês de seu lançamento, “Crônicas de Miramar – O Segredo do Camafeu de Prata” ainda é o assunto principal de muitos blogs literários

Os autores Flávio St Jayme (direita) e Wemerson Damasio
Dia desses estava sapeando e zapeando a Net, olhando o conteúdo de alguns blogs literários. Fiquei feliz com o que vi; por exemplo, a atitude de alguns blogueiros em realizar resenhas honestas, apesar das parcerias que mantém com algumas editoras. Tá na cara que tanto os blogs quantos as editoras saem ganhando com essa decisão. Honestidade é tudo na vida, inclusive na blogosfera.
O blogueiro não tem que firmar uma parceria pensando apenas em ganhar uma montanha de livros em troca de sua falsa opinião, acompanhada de seus falsos elogios. E o compromisso com os seguidores de seu blog, como é que fica? Cara, isto seria o mesmo que se vender por alguns poucos livros.
Tá bem, mas isso é assunto, quem sabe, para um novo post. Hoje eu quero ‘falar’ de um outro lance dessas minhas zapeadas noturnas na Net e que me deixou muito feliz: o sucesso duradouro das “Crônicas de Miramar – O Segredo do Camafeu de Prata”. Cara, sempre ‘explodo’ de alegria quando vejo um livro nacional, escrito por um jovem autor, conquistando elogios da galera e dos críticos. Afinal de contas, o nosso País está ganhando mais um grande nome da literatura que pode no futuro, quem sabe, pode se tornar um novo Luis Fernando Veríssimo, uma Clarice Lispector, um Cristóvão Tezza ou até mesmo um Carlos Drumond de Andrade. Querm sabe? Por isso, fico muito feliz.
“Crônicas de Miramar – O Segredo do Camafeu de Prata” – que fará parte de um trilogia – mostra que os autores Flávio St Jayme (jornalista) e o  Wemerson Damasio (professor) começaram a galgar os primeiros degraus dessa enooorme e tão difícil escadaria da fama.
Cerca de um mês após seu lançamento oficial, “Crônicas de Miramar” continua polarizando as atenções, tanto dos blogs literários quantos dos leitores. De acordo com a editora portuguesa Chiado, de dezembro de 2015 para cá, muitos exemplares já foram vendidos e a aventura dos super-heróis brasileiros contemporâneos já conquistou seguidores e fãs.
Prova disso foram os diversos sites e blogs literários que visitei nos últimos dias, quero dizer... nas últimas madrugadas. Eles pontuam positivamente os diálogos e a estrutura da narrativa. Das criticas que li, todas  foram positivas. Algo difícil, convenhamos.
Como já expliquei numa resenha publicada no blog (ver aqui) St Jayme e Damasio criaram uma estória que resgata os áureos e inesquecíveis tempos da famosa série “Vagalume”.
Já Rodrigo Costa do site Livrai-nos, destacou as referências pop e a amizade entre os personagens, além dos temas atuais discutidos na história, como preconceito e sexualidade: “A narrativa é envolvente, pois é divertida, simples e atual. Há muitas referências musicais, de celebridades, filmes e séries, o que nos deixa totalmente à vontade e arranca até algumas risadas. É fácil durante a trama se pegar torcendo para que a amizade prevaleça, a união e o respeito dentro da família. Para que o preconceito contra a diversidade seja vencido e a igualdade das raças possa ser um tema a qual nem precisasse mais de discussão.”
Outros sites, como Menino Literário, destacam a leitura fácil e envolvente: “A escrita dos autores fora tão leve e fluída, que quando percebi já tinha terminado o livro em exatamente dois dias. Eles alternaram a narração entre os cinco jovens, mas de uma forma espetacular que em momento algum eu me senti perdido.”, e o gostinho de “quero mais” ao final da história, que pretende ser a primeira parte de uma trilogia.
“As Crônicas de Miramar – O Segredo do Camafeu de Prata” é o primeiro livro do gênero exclusivamente brasileiro, lançado em dezembro no Brasil e Portugal pela editora Chiado.
A obra dos escritores paranaenses St Jayme e Damásio foi financiada em um projeto de “vaquinha virtual” e teve concorrido evento de lançamento em Curitiba.

Agora fica a expectativa com relação ao lançamento do segundo volume da trilogia. Tomara que a dupla de autores paranaenses, novamente, acerte as mãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...