domingo, 15 de novembro de 2015

Livro sobre vampiros escrito por Gary Oldman tem direitos comprados pela Record

Nãaaaaaaaaaaaaaaaoooo!!! Até tú, Gary Oldman!
Oldman, uma das lendas vivas de Hollywood, que arrebentou nas telonas de todo o mundo como Sirius Black (Harry Potter e oPrisioneiro de Azkaban), Comissário Gordon (Trilogia sobre o Batman de Nolan) e o temível e sanguinário Drácula (Bram Stoker) decidiu se enveredar pelos caminhos da escrita, lançando-se escritor. E de cara, vai nos brindar com uma trilogia sobre V-A-M-P-I-R-O-S. Novamente: Nãaaaaaaaaaaaaaooo!!! Aliás, mil vezes Nãaaaaaaaaaaaaaaaaaoo!!
Olha, juro que estava curioso para saber se Oldman, de fato, tinha talento para ser escritor, já que como ator, não há como questionar a sua capacidade profissional. Putz, mas ele tinha que escolher, justamente um tema tão batido?!
Mêo, já estou farto de sugadores de sangue; sejam eles ruins ou bonzinhos. Tudo bem, confesso que num momento de fraqueza acabei lendo toda a saga Crepúsculo; confesso também que adorei a “Trilogia daEscuridão” e "Deixa Ela Entrar"; fiz ainda o dever de casa de qualquer leitor lendo “Drácula de Bram Stoker”, “Entrevista com o Vampiro”, de Anne Rice e “A Hora do Vampiro”, de Stephen King; e... caraca é duro confessar isso, mas bato no peito, me descabelo, rasgo minhas roupas e grito: Meu Deus, sou pecador!! Tá bem, eu revelo: li o desgraçadamente malfadado Abraham  Lincolm – Caçador de Vampiros”.
Pode parar! São muitos vampiros para o meu gosto. Acredito que já estrapolei a minha cota. E como não bastasse, para me provocar ainda mais, a autora Stephenie  Meyer acaba de lançar um enredo invertido de “Crepúsculo”, onde o vampiro homem, no caso Edward, sai de cena e cede o seu lugar para uma vampira; enquanto Bella Swan se transforma num simples mortal, homem, diga-se de passagem.
Entenderam porque fiquei frustrado com a notícia sobre o meu ídolo das telonas, Gary Oldman? Fazer o que né galera? Nem tudo é como queremos.
Mas como os nossos DNAs são diferentes, com certeza, muitos leitores jamais se cansarão das infindáveis sagas sobre vampiros. E acredite que muitas outras virão por aí.
Bem, para você que se enquadra nessa categoria de leitores que apreciam os sanguessugas dos tempos modernos, pode ir se preparando para o lançamento do livro de Oldman que marcará a sua estréia como escritor. A obra que deve chegar ao Brasil, no final de 2016, pelo selo da editora Record, intitulado Blood Riders (tradução parecida com Cavaleiros de Sangue), contará a história de um homem misterioso que está fugindo de uma maldição em uma cidade, no melhor estilo velho-oeste. A história será recheada de mistérios e para variar... terá os vampiros como tema central.
Podemos dizer que o livro será escrito a quatro mãos – semelhante à “Trilogia da Escuridão” que reuniu Del Toro e Hogan – por Oldman e seu agente cinematográfico, Douglas Urbanski.
A idéia do projeto literário surgiu em 2009, quando o ator estava filmando “O Livro de Eli”, e então, teve o insight de criar um enredo relacionado com vampiros. Urbansky comentou que na época, eles não sabiam direito se a história renderia um filme, livros ou uma série de TV, mas que ficaram com a ideia na cabeça. Segundo ele “Nós nos encontramos várias vezes na minha cozinha, mapeamos a história e para onde ela deveria seguir, reinventando as regras e realidades dos vampiros, sexo e o poder do amor.”
Depois de se reunirem com algumas editoras, Oldman e Urbanski fecharam um acordo com a Simon e Schuster para publicar o primeiro Blood Riders em 2016.
Os executivos da Editora Record gostaram do que viram e já garantiram a compra dos direitos de lançamento da obra no Brasil e que pode virar uma trilogia.
Agora é só aguardar a chegada do livro com expectativa; mas somente se você for fã da ‘vampiraiada’ que invadiu a indústria literária nos últimos tempos.

Inté!

2 comentários:

  1. Apesar de estar louco para ler Príncipe Lestat, concordo que vampiros realmente é um tema batido. Só perde ultimamente pra distopias, que eu não aguento mais. Mas o problema maior é saber que o livro é escrito a quatro mãos. Tenho um sério problema com isso. Preferia uma biografia dele.

    http://porquelivronuncaenguica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que já esgotei a minha cota com relação a livros sobre vampiros, sejam eles bonzinhos, ruins, bonitos ou feios...
      Abcs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...