quarta-feira, 22 de julho de 2015

Talia Fonseca prepara o lançamento de “A Luva” num concorrido mercado brasileiro dominado por obras estrangeiras

Ser escritor no Brasil é muito difícil. Todos nós sabemos que as grandes editoras e agora, também, as pequenas direcionam os seus olhares somente para os autores gringos. E olha que pode m ser gringos suecos, alemães, ingleses e, claro, americanos. Basta residir fora do nosso país, nem que seja nas Ilhas Fiji. Se o sujeito responder: - “Moro no exterior”, já estará com meio caminho andado até o prelo.
Desculpe o desabafo, mas é que temos muita ‘coisa’ boa por aqui; escritores com talento capazes de encaçapar qualquer autor internacional acostumados a escrever baboseiras sobre anjos caídos, distopias ou então personagens adolescentes com sonhos premonitórios.
Esta falta de estímulo faz com que muitos brasileiros talentosos acabem se desanimando e dando um chute em seus manuscritos, pensando de maneira precipitada que são maus escritores. Mas da mesma forma que existem os autores que não acreditam em seu potencial, há aqueles que são resilientes e jamais desistem de seu sonho em comum, independente do tanto de “nãos” que recebem.
A alternativa, pelo menos temporária (até que alguma santa editora resolva publicar as suas ‘idéias’), acaba sendo a manjada produção independente comercializada em eBook ‘quase sempre’ pela Amazon.
Ultimamente venho recebendo com freqüência no e-mail do blog, várias correspondências de escritores solicitando parcerias ou então simplesmente, enviando alguns capítulos de sua obra para uma avaliação.
O que me deixa muito feliz nesses contatos é que grande parte dos remetentes são jovens com pouco mais de 20 anos e que apesar da pouca idade já tem uma intimidade tão grande com a escrita.
E agora, mais uma jovem chega para tentar a sorte no mercado literário brasileiro considerado tão ingrato para os escritores brazucas. Trata-se de Talia Fonseca que estará lançando brevemente o seu eBook de ficção/fantasia  chamado “A Luva”. Trata-se de seu primeiro livro onde ela narra a história de Melissa, uma jovem problemática que vive aprisionada em um mundo onde todos a vêem como caótica e sem solução. Convivendo com o dilema de vencer o mundo sozinha, apesar de poder contar com Lucy, sua melhor amiga, Melissa decide traçar o próprio destino ao fugir. O resultado de tudo isso, segundo a sinopse fornecida pela autora, resultará na quebra de segredos milenares que colocará sua vida em risco.
Fazer uma análise da história baseada nas poucas linhas que li, enviadas pela autora, é algo impossível. Seria o mesmo que opinar sobre um livro, após ter conhecido apenas 1% do seu conteúdo. O que posso dizer é que senti vontade de prosseguir a leitura, o que já é um bom sinal... bem, pelo menos para mim.
Talia publicará a sua obra pela Amazon e o número de páginas deverá ficar em torno de 206. “Provavelmente depois da diagramação, aumentará um pouquinho mais”, explica.
Ainda não há uma data para o lançamento de “A Luva”, e também não haverá pré-venda do e-book, mas a autora pretende realizar uma semana especial antes da chegada do livro nas prateleiras virtuais da Amazon.
Desejo boa sorte para Talia Fonseca, afinal de contas é mais uma escritora brasileira que está arriscando a sorte no concorrido e ingrato mercado literário tupiniquim.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...